educação

Começa prazo para pais cadastrarem filhos nas UMEIs. Crianças de 1 a 3 anos não têm vaga garantida

A prefeitura de Contagem iniciou o cadastro de crianças de 1 a 5 anos de idade para matrícula nas unidades de educação infantil, mas já avisou que não tem vaga para todo mundo.

Crianças com 4 e 5 anos de idade têm vaga garantida na rede municipal, conforme prevê a legislação. No entanto, aquelas que têm entre 1 e 3 anos terão que se enquadrar nos critérios de prioridade ou passar por um sorteio público das vagas remanescentes.

Os pais de crianças que querem matricular os filhos na rede municipal, devem fazer o cadastro no site da prefeitura até o dia 31 de agosto. A partir do dia 17, o cadastro também pode ser feito nas Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) e nas escolas municipais que atendem turmas da educação infantil até o dia 31.

Devem realizar o cadastro pais ou responsáveis de crianças na faixa etária de 1 a 5 anos que vão ingressar na Educação Infantil, nascidas no período entre 1/4/2015 até 31/3/2020. Os pais ou responsáveis pela criança devem residir em Contagem.

Este ano a prefeitura disponibilizou a opção de fazer o cadastro virtual na Internet. Os pais e responsáveis que não possuem acesso à internet poderão se inscrever nas Umeis a partir do dia 17/08, respeitando os protocolos sanitários de proteção. Segundo a Secretária de Educação do município, Sueli Baliza, “as Umeis estarão preparadas para receber os novos estudantes no próximo ano letivo com toda infraestrutura e professores capacitados”.

Para fazer a inscrição da criança CLIQUE AQUI

Distribuição das vagas

A prefeitura informou que não tem vagas para todas as crianças na rede municipal. Apenas as crianças de 4 e 5 anos terão vaga assegurada na Rede Municipal de Educação.

Para a idade de 1 a 3 anos, caso o número de vagas seja menor que o número de inscrições, haverá um processo de distribuição. Nesse caso, a matrícula é obrigatória para crianças com deficiência, sob medida de proteção do Estado, criança filha de adolescente que cumpre medida socioeducativa; ou criança abrigada. Para a realização de matrícula, é exigida a comprovação da condição.

Para o restante das vagas, 50% delas serão destinadas a famílias definidas como vulneráveis, por meio da comprovação de critérios, divididos por pontuação. A outra metade dessas vagas será definida por meio de sorteio público, do qual participarão todas as crianças inscritas e não contempladas pelos critérios anteriores.

A data do sorteio será divulgada pela Secretaria Municipal de Educação (Seduc). Todas as crianças inscritas que não conseguirem vagas terão seus nomes sorteados e constarão na lista de espera.

As vagas existentes terão como referência o zoneamento escolar, definido a partir do endereço residencial dos responsáveis legais ou ainda do endereço de onde trabalham.

Documentação necessária

Para fazer o cadastro, é necessário ter em mãos a certidão de nascimento ou a carteira de identidade da criança; comprovante de residência em Contagem em nome do responsável (preferencialmente a conta de luz dos últimos dois meses); comprovante do local de trabalho de um dos pais ou do responsável legal, caso a família opte por concorrer por esse endereço.

A documentação para os casos específicos, quando existirem, pode ser conferida no edital AQUI.

Para a realização da matrícula, os responsáveis pelas crianças deverão apresentar os mesmos documentos utilizados no momento da inscrição (original e cópia).

informações PMC/VanessaTrotta


Categorias:educação

Marcado como:, ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s