Chuvas voltaram. Ribeirão Arrudas transborda e causa alagamentos na Vila São Paulo

Anúncios

As chuvas da noite desta terça-feira provocaram danos aos moradores das margens do Ribeirão Arrudas, em especial na Vila São Paulo e cidade industrial. Em Belo Horizonte, moradores da região oeste, às margens da Avenida Teresa Cristina, também sofreram com o transbordamento do rio.

A defesa civil está no local. Em Contagem, uma mulher precisou ser resgatada do teto de um carro submerso.

A prefeitura de Contagem alerta para o risco geológico de desmoronamentos e pede atenção em relação à trincas, infiltrações, desnivelamento de portas e janelas, inclinação de árvores e postes, estes são alguns dos sinais de que o terreno pode estar cedendo.

Veja imagens do alagamento:

Veja vídeos do alagamento e salvamento de uma mulher no meio da correnteza

Polícia prende ladrões de carro no Barreiro. Suspeitos utilizavam lava-jato em Contagem para clonar chaves

Anúncios

Polícia não divulgou nome do lava-jato envolvido, mas informou que não é a primeira vez que o suspeito é envolvido neste tipo de ilícito.

De acordo com os militares, as informações ainda carecem de investigação por parte da Polícia Judiciária, mas dão conta que os envolvidos são proprietários de um lava-jato em Contagem e que o local era utilizado para clonagem das chaves de veículos de clientes, para posteriormente furtá-los. Durante a abordagem foi localizada, inclusive, uma chave clonada pertencente a um cliente do lava-jato, o qual se mostrou surpreso ao ver que a chave, não só abria como também dava partida ao seu veículo.

A descoberta começou com a abordagem de um suspeito no bairro Lindeia, em Belo Horizonte. Policiais militares do 41º BPM procederam do indivíduo de 30 anos, já conhecido por envolvimento no cometimento de vários crimes, em atitude suspeita. Durante a abordagem, ele prestou informações contraditórias o que motivou as guarnições PM a aprofundarem nas averiguações. Diligências levaram os militares a um endereço no bairro Tirol.

Os ocupantes do imóvel ao perceberem a presença policial, efetuaram disparos de arma de fogo e empreenderam em fuga. Foi acionado o Plano de Cerco e Bloqueio, inclusive com o apoio da aeronave, que culminou na prisão de quatro homens e uma mulher. 

No interior da residência foram apreendidos sete aparelhos de celulares, munições de arma de fogo, equipamentos de filmagem, bloqueador de sinal de rastreador, módulos eletrônicos, cinco chaves de ignição e controles-remotos, máquina de cartão de crédito, microcomputador, centralinas veiculares, ferramentas variadas, R$900,00 em dinheiro, $1.360 dólares, comprovantes de depósitos bancários, um veículo Ford Ranger com a placa clonada, três jogos de placas e dois CRLV, os quais constam queixa de furto dos veículos. 

A ocorrência foi encerrada na Delegacia Estadual do Plantão Digital e as investigações sobre o caso prosseguem com a Polícia Civil.

Ribeirão Arrudas corrói base de viaduto sobre Avenida Tito Fulgêncio. Prefeitura prevê fechar trânsito durante chuvas fortes

Anúncios

A força das águas do Ribeirão Arrudas está levando a base de sustentação do viaduto que faz a ligação das avenidas Tereza Cristina e General David Sarnoff, na Cidade Industrial. O muro de pedras colocado para proteger as bases do viaduto já foi levado pelo rio e a erosão já expõe os alicerces da construção. Um dos pilares de sustentação do viaduto já está com uma parte suspensa no ar, pois a terra sobre a qual ele foi construído foi levada pelo rio.

A prefeitura informou que conhece e monitora a situação, mas que aguarda a elaboração de um projeto para, depois, realizar a licitação da obra de recomposição da base do viaduto. Enquanto isso são realizadas medidas paliativas e “em períodos chuvosos, a Transcon e a Defesa Civil também fazem o fechamento do viaduto”, informou a prefeitura.

Anúncios

De acordo com a administração municipal, o projeto de recuperação está sendo feito por uma empresa especialista contratada pela Semobs e deve ser entregue até o dia 31/10/2021. Os recursos para a realização da obra também já estão garantidos por meio do BDMG – Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais.

Anúncios

Espaço Uiara Santos é inaugurado hoje, no centro de Contagem. Estúdio especializado em alongamento de unhas e cursos profissionalizantes

Hoje é dia de convite especial. Neste sábado, dia 02 outubro, acontece a inauguração do Espaço Uiara Santos.


Espaço Uiara Santos é especializado em Alongamento de Unhas, Cursos profissionalizantes Iniciante e Aperfeiçoamento na área de Nail Designer e Extensão de Cílios.Espaço conta também com os serviços de Esmaltação em Gel, Manicure Russa Combinada.


O espaço foi projetado com todo carinho e requinte pela designer de interiores, Scarlett, e foi pensado para o bem estar do cliente, com um toque de sofisticação e modernidade.


Está localizado na Rua Manoel Alves nº126 sala 206, Centro de Contagem.


No mês de Outubro, mês de inauguração, o espaço está com descontos imperdíveis.Venha viver uma experiência inesquecível.

Nova forma de cobrança do IPTU em Contagem é aprovada pelos vereadores e deve valer já em 2022

O novo modelo de cobrança do IPTU em Contagem diminuiu a alíquota máxima cobrada nos imóveis residenciais e criou novas faixas de cobrança. O projeto foi aprovado esta semana pelos vereadores e tem o objetivo de promover maior “justiça tributária” na aplicação do imposto na cidade.

Atualmente existem apenas duas alíquotas para cobrança de IPTU Residencial – 0,18% e 0,60% – que  são aplicadas de acordo com o valor do imóvel. O novo modelo instituiu cinco faixas progressivas, de acordo com o valor venal do imóvel, que passam a variar entre 0,14% e 0,55%.  Dessa forma se promove uma maior distribuição tributária e diminui o valor máximo que pode ser pago.

Nas projeções apresentadas pela prefeitura à Câmara Municipal, nenhum imóvel residencial deve ter aumento real de IPTU no próximo ano.

Emendas dos vereadores ampliaram o público que tem isenção do imposto.

Atualmente, aposentados e pensionistas ficam isentos do IPTU se tiverem um único imóvel. No novo modelo, uma emenda dos vereadores garantiu isenção de IPTU do imóvel de residência do aposentado ou pensionista, mesmo que ele tenha outras propriedades na cidade. Beneficiários do BPC – Benefício de Prestação Continuada também foram incluídos no rol dos isentos.

Outras emendas parlamentares garantiram a isenção da taxa de coleta de lixo para imóveis residenciais de valor venal de até R$ 130 mil, e a não alteração do caráter do imóvel para o microeemprendedor individual (MEI).

Estratégias para facilitar o pagamento do imposto, como parcelamento e desconto à vista devem ser implementados pela prefeitura. A previsão atual é que o imposto de 2022 possa ser parcelado em até dez vezes e um desconto à vista superior a 7% do valor devido.

Imóveis que podem sofrer aumento do IPTU em 2022

Lotes vagos e imóveis que não têm uso residencial, com valor superior a R$1,5 milhão, podem sofrer aumento do IPTU no próximo ano. Também deve haver aumento de imposto para a indústria.

O vereador Abne Mota, que votou contra o projeto, disse durante as discussões que este aumento pode afastar grandes investidores da cidade.

A líder do governo, vereadora Moara Saboia nega. “O principal foi não penalizar o comércio e os serviços da cidade, que são nossos maiores empregadores. Por outro lado, fizemos reuniões com os setores industriais, e realmente para algumas indústrias o IPTU vai aumentar um pouco, mas, em contrapartida, vamos buscar a desburocratização dos processos, para atrair novos investimentos”, completou a parlamentar.

Críticas ao trâmite e transparência do processo

Os vereadores Carlin Moura e Hugo Vilaça tentaram adiar a votação em diversas ocasiões, apresentando pedidos de vistas e de adiamentos. Mas não tiveram sucesso.

Eles reclamavam que faltou debate e clareza sobre o processo. O vereador Carlin Moura cobrava da prefeitura que tivesse encaminhado a previsão de arrecadação com o IPTU de 2022 antes da votação do projeto.

Reclamaram também da forma como foi construída a emenda de liderança e o arquivamento de todas as emendas individuais.

Porém, de acordo com o presidente da Câmara, vereador Alex Chiodi, o projeto chegou à Câmara em julho e tramitou com discussões nas comissões da Câmara por quase três meses.

“Foram apresentadas emendas dos vereadores, o projeto foi debatido e construído com bastante diálogo”, disse o vereador. Segundo ele, muitas dos encaminhamentos dos vereadores tinham teor semelhante e, por isso, foram agrupadas em uma única emenda.

O vereador salientou que os pedidos de vista e adiamento foram negados pois é necessário seguir os procedimentos regimentais. Na negativa ao pedido de vista de Hugo Vilaça foi solicitada a manifestação do Procurador Geral da Câmara, Silvério Cândido, que esclareceu sobre as razões legais para negar o pedido de vistas.

O vereador Alex Chiodi nega que o projeto tenha sido tramitado de forma apressada e disse que o projeto seguiu trâmite normal.

O tempo gasto para o trâmite do atual projeto está, realmente, dentro da média. Como exemplo, podemos comparar a situação atual com o contexto de aprovação do projeto de retorno do IPTU, em 2016.

Em 2016 o projeto de retorno do IPTU foi aprovado em aproximadamente 15 dias. Já o modelo de cobrança do IPTU de 2022 está em avaliação pela Câmara há mais de dois meses.

Quando foi que Contagem voltou a cobrar IPTU?

A volta do IPTU residencial em Contagem foi aprovada em 2016, após quase 30 anos sem cobranças.

Em 2016 uma emenda dos vereadores possibilitou o retorno da cobrança do tributo na cidade. O processo que retomou o IPTU foi envolto de críticas.

A intenção era possibilitar que o prefeito eleito, Alex de Freitas(PSDB), retomasse a cobrança do IPTU em 2017. A justificativa era adequar o IPTU da cidade e evitar problemas junto ao Tribunal de Contas do Estado.

Porém o prefeito da época, que ainda estava no comando da prefeitura, Carlin Moura, era contra a cobrança e abriu uma disputa entre os vereadores e a administração municipal.

O prefeito ameaçou não sancionar o projeto e os vereadores ameaçaram sancionar o projeto mesmo sem assinatura do prefeito. Diante da situação, Carlin Moura vetou a emenda. Os vereadores analisaram o veto do prefeito, derrubaram e encaminharem novamente para sanção. Tudo foi feito às pressas para evitar o fim do ano.

Na época, o projeto foi analisado e aprovado em menos de quinze dias.

Naquela ocasião, apenas cinco vereadores votaram contra o IPTU, entre eles Alex Chiodi e Arnaldo de Oliveira, que continuam como vereadores da cidade.

A aprovação do projeto motivou que o governo Carlin divulgasse uma nota na qual negava qualquer interesse no retorno do IPTU deixando claro que se tratava de iniciativa patrocinada pelo prefeito Alex de Freitas.

Fila de cirurgias eletivas volta a andar em Contagem. Procedimentos estavam suspensos desde março de 2020

Contagem está retomando as cirurgias eletivas que foram suspensas em março de 2020 devido à pandemia da Covid-19. No mês de julho, com o novo cenário epidemiológico e o avanço da vacinação contra a Covid-19, a Secretaria de Saúde iniciou o planejamento para o retorno gradual dos procedimentos.

A partir do dia 15 de agosto, as ações para otimizar os atendimentos foram iniciadas e a previsão nos próximos meses é realizar 130 cirurgias por semana conforme a plena capacidade do Hospital Municipal de Contagem.

A ampliação das cirurgias eletivas de média complexidade também está em estudo pela SMS com o valor do investimento estimado de cerca de R$ 9,5 milhões.

Nesta primeira etapa da retomada gradual, a fila para as cirurgias ortopédicas, em que a demanda é maior, foi reduzida em 50%. Os cerca de 200 pacientes do HMC que também já aguardavam pela realização de algum procedimento cirúrgico eletivo estão sendo reconvocados para reavaliação médica e retomada dos procedimentos que antecedem a cirurgia.

A próxima etapa será expandir para os pacientes já regulados com classificação de prioridade zero. O Centro de Autorização em Procedimentos de Saúde de Contagem – Ceaps e o Complexo Hospitalar de Contagem farão contato com todos os pacientes que se enquadram nesse perfil.

Segundo o secretário de Saúde, Fabrício Simões, a meta é concluir o estudo para realização de um mutirão de cirurgias eletivas e assim reduzir a fila de espera que hoje está com 10.490 usuários. “Como a realização de procedimentos em caráter eletivo foi suspensa por causa da pandemia, as filas ampliaram consideravelmente. Situação que se repete em todo o país. Após a autorização da retomada gradual pelo governo do Estado, o nosso grupo de trabalho vem se reunindo rotineiramente para organizar essa retomada e planejar o mutirão. Estamos empenhados para mudar esse cenário no SUS Contagem”, disse.

Outra boa notícia é que o bloco cirúrgico do Centro Materno Infantil foi estruturado para a realização de cirurgias ginecológicas desafogando a demanda no bloco do HMC.

Conforme explica a superintendente do Complexo Hospitalar, Karina Taranto, a organização e o planejamento foram fundamentais para a retomada das cirurgias eletivas devido à grande demanda. “O HMC também realiza cirurgias de emergências, o que compete com as cirurgias eletivas comprometendo a ampliação da capacidade do bloco cirúrgico. Estamos otimizando todos os processos para que possamos operar com a capacidade máxima”, afirmou.

fonte: Secom/Vanessa Trotta – imagem: PMC/Fábio Silva

Finalmente chegamos lá! Contagem irá vacinar jovens com 18 anos no sábado! É a última faixa etária a ser vacinada

A tão esperada data da vacinação contra a Covid-19 para os jovens a partir de 18 anos está chegando. A conclusão da aplicação da primeira dose para a população adulta será nas vésperas do aniversário de 110 anos da cidade. A ampliação das faixas etárias será feita de modo escalonado e já começa nesta quinta-feira (26/8) para os jovens de 23 e 22 anos seguindo até o sábado (28/8).

Confira como ficou o calendário:

Quinta-feira (26/8) – Pessoas com 23 e 22 anos
Sexta-feira (27/8) – Pessoas com 21 anos
Sábado (28/8) – Pessoas com 20, 19 e 18 anos.

As unidades credenciadas funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h, e os pontos extras nos shoppings Big e Contagem, das 15h às 21h. No sábado (28/8), as unidades irão funcionar das 8h às 16h.
A Prefeitura está preparando a “Virada da Vacinação” na sexta-feira (28/8) e irá divulgar em breve as informações sobre o evento. Por esse motivo, na sexta-feira (27/8), não haverá vacinação nos pontos extras dos dois shoppings, de modo que a vacinação será concentrada no mesmo local da virada.
As pessoas a partir de 24 anos que ainda não foram vacinadas e as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários atendidos também podem procurar os postos de vacinação.
Para facilitar o atendimento, a Secretaria de Saúde passou a aceitar o comprovante de endereço em nome de um terceiro (pai, mãe, avó, avô, etc) da pessoa a ser vacinada. Para isso, o dono do comprovante de endereço deverá fazer uma declaração de próprio punho afirmando que o usuário reside naquele endereço. Esta declaração ficará retida no posto de vacinação. A declaração de endereço da Unidade Básica de Saúde (UBS) referência também continua sendo aceita.
Atenção: Quem já está no prazo para receber a segunda dose, deve comparecer no dia agendado no cartão de vacinação.

Documentação para vacinar contra Covid

Requisitos Gerais para a vacinação:
– Apresentar documento de identificação com foto e CPF;
– Apresentar comprovante de endereço em seu próprio nome (caso não possua, ver as condições acima no texto);
– Não ter recebido vacina contra a Covid-19;
– Não ter recebido qualquer outra vacina nos últimos 14 dias;
– Não ter tido Covid-19 com início de sintomas nos últimos 30 dias.

Postos de vacinação contra Covid em Contagem

Locais de vacinação:
SHOPPING CONTAGEM – DRIVE THRU
Horário da vacinação: 15h às 21h
Av. Severino Ballesteros, 850 – Cabral, Contagem – MG
Estacionamento G1

BIG SHOPPING – LOJAS 210/211 e 284
Horário da vacinação: 15h às 21h
Av. João César de Oliveira, 1275 – Eldorado – Contagem

REGIONAL ELDORADO
Horário da vacinação: 8h às 15h
– CSU Eldorado – (Rua Portugal, nº 50 – Eldorado)
– UBS Jardim Eldorado (Rua Canafístula, nº 245 – Jardim Eldorado)
– UBS Parque São João (Rua Sete, 54 – Parque São João)
– UBS Água Branca (Avenida Seis, nº 320 – Conjunto Água Branca)
– Salão Paroquial da Igreja Santa Cruz (Avenida Lisboa, n° 330 – Santa Cruz).

REGIONAL INDUSTRIAL
Horário da vacinação: 8h às 15h
Atenção para as mudanças:
–Para a primeira dose: CRAS Amazonas (Marques do Paraná 95 – Amazonas).
– UBS Jardim Industrial (Rua Henrique Zikler, 97 – Jardim Industrial)
– Para a segunda dose da Pfizer: – UBS Vila Diniz (Rua Osório de Morais, 957 – Vila Diniz)
– Para a segunda dose da AstraZeneca (FioCruz) – CRAS Amazonas (Marques do Paraná 95 – Amazonas) e UBS Jardim Industrial (Rua Henrique Zikler, 97 – Jardim Industrial)

– Para a segunda dose da CoronaVac (Butantan): CRAS Amazonas (Marques do Paraná 95 – Amazonas)

REGIONAL NACIONAL
Horário da vacinação: 8h às 15h
– Escola Estadual Ministro Miguel Mendonça (Rua Benjamim Constant S/N – Nacional)
– Escola Municipal Professor Wancleber Pacheco (Rua Santo Antônio, 60 – Bairro Tijuca)
– Anexo da Igreja Católica Nossa Senhora da Conceição (Rua Henriqueta Mendonça Rigolon, 40 – Nossa Senhora da Conceição)

REGIONAL PETROL NDIA
Horário da vacinação: 8h às 15h
– Centro Pastoral da Paróquia Jesus Operário (Rua Refinaria Cubatão 263, Petrolândia)
REGIONAL RESSACA
Horário da vacinação: 8h às 15h
– Atenção para mudança de local: Pátio do estacionamento do Mart Minas (Rua Diamante 1280 – Acesso pela Rua Rubi – São Joaquim)
– Atenção para mudança de local: Amonp – Associação dos Moradores do Bairro Novo Progresso II (Rua Gonçalves Dias, 320 – Novo Progresso)
– UBS Arpoador (Rua Mariana, s/n – Arpoador)

REGIONAL RIACHO
Horário da vacinação: 8h às 15h
– UBS Sesc (Rua Padre José Maria Deman, 805 – Novo Riacho)

REGIONAL SEDE
Horário da vacinação: 8h às 15h
Atenção para as mudanças:
– A vacinação na UBS Praia – (Rua do Registro, nº 1676 – Praia) ocorre somente nas quartas-feiras.
– A vacinação na UBS Bernardo Monteiro (R. Wilsom José de Souza, 40 – Bernardo Monteiro) ocorre somente nas quintas-feiras.
– A vacinação no antigo Fórum – (Av. João de Deus Costa 42, Centro) ocorre todos os dias da semana.

REGIONAL VARGEM DAS FLORES
Horário da vacinação: 8h às 15h
– Paróquia São Judas Tadeu – (Rua VL5, 55 – Nova Contagem)
– Farmácia Distrital Vargem das Flores II (Rua João Luiz de Faria, 142– Darcy Ribeiro)

fonte: PMC/Vanessa Trotta

70% da população adulta de Contagem já recebeu pelo menos uma dose contra Covid e ocupação de leitos apresenta queda

Contagem ultrapassou a marca de 500 mil pessoas com pelo menos uma dose das vacinas contra Covid. Isso significa que mais de 70% da população adulta já começou a se imunizar.

Esse número elevado de vacinados é acompanhado de outro número positivo: a redução da ocupação de leitos por pacientes contaminados com Covid.

O número de pessoas com covid internadas em enfermarias já chegou a 113 em abril desse ano; hoje está em 51. A ocupação de UTIs por pacientes com Covid também diminuiu, passando de 79 em abril para 30 nesta semana.

Essa diminuição de demanda permitiu, inclusive, que a prefeitura reduzisse a quantidade de leitos reservados para o tratamento da doença. Os leitos que estavam reservados ao tratamento de Covid agora foram liberados para atender outras demandas do serviço de saúde municipal.

Nas redes sociais, a Prefeita Marília Campos comemorou dizendo que “essa é mais uma importante vitória de nossa luta contra a pandemia que queria dividir com vocês. É mais uma vitória do nosso Pacto pela Vida”.

Calendário para vacinação contra Covid em Contagem

Na próxima semana a prefeitura avança na vacinação e deve ficar próxima de concluir a vacinação do público jovem, que tem mais de 18 anos. Na segunda-feira começa a vacinação de pessoas com 26 anos ou mais, na terça 25 anos e na quarta-feira a população com 24 anos.

Quando concluir esta etapa de vacinação restará apenas o grupo de adolescentes entre 12 e 18 anos. Até o momento, apenas a vacina fabricada pela Pfizer tem autorização da Anvisa para aplicação em crianças e adolescentes.

Portanto, para iniciar a vacinação desse grupo será necessário a inclusão no PNI – Programa Nacional de Imunizações – e também é necessário que existam doses suficientes de vacinas para esta faixa etária.

Faixas etárias e locais de vacinação estão disponíveis no site da prefeitura de Contagem.

Proteção com a primeira dose é alta e derruba número de mortes

Estudos realizados com as quatro marcas de vacinas aplicadas no Brasil trazem resultados muito positivos.

Mônica Levi, diretora da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), afirmou em entrevista à Agência Brasil que

as quatro foram submetidas a rigorosos protocolos de testagem, com resultados checados por agências reguladoras de credibilidade reconhecida, como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O processo de desenvolvimento de uma vacina inclui testes em laboratório e três etapas de testes em humanos, envolvendo milhares de voluntários, e os resultados são analisados pela comunidade científica e por órgãos reguladores de diferentes países.

Diante disso, a médica ressalta que recusar uma vacina específica ou atrasar a aplicação para esperar outra vacina são decisões que não fazem sentido e ameaçam a saúde individual e coletiva.

“Qualquer um de nós pode ter uma forma grave e pode ir a óbito. Não dá para negar uma vacina que vai te proteger principalmente desses desfechos. Todas as vacinas utilizadas no país estão mostrando efetividade para formas graves e para mortes, o que, nesse momento, é o que a gente mais se preocupa. Esse é o objetivo principal, e todas estão cumprindo o seu papel”, afirma a diretora da SBIm. “A escolha de recusar e adoecer não é só sua. Você vai fazer outros adoecerem também.”

Diminuição das mortes provocadas por Covid em Contagem

Junto com o aumento da população vacinada, houve uma redução do número de mortes provocadas pela Covid.

De acordo com um levantamento divulgado pelo economista José Prata, a média móvel de mortes em Contagem atingiu um pico em abril, com 18 mortes diárias. Atualmente esse número é de 1,4 mortes por dia na cidade.

Um número triste ainda, mas muito melhor do que estava há alguns meses.

Prefeitura quer mapear vendedores ambulantes, saber o que vendem e do quê precisam

A prefeitura de Contagem diz que quer conhecer o perfil socioeconômico dos trabalhadores ambulantes, os tipos de produtos comercializados e subsidiará na elaboração das políticas públicas de geração de emprego e renda da Secretaria de Trabalho e Geração de Renda (SETGER). Para isso iniciou, nesta quarta-feira, dia 18, um mapeamento de todos os ambulantes da cidade.

O levantamento será realizado pelos fiscais da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SMDUH) e pelos assessores de Desenvolvimento Local da Secretaria Municipal de Governo – Segov de forma simultânea nas oito regionais da cidade.

A secretária interina de Trabalho e Geração de Renda, Viviane França, explicou qual o objetivo desta ação. “O mapeamento dos ambulantes permitirá ações de planejamento integrado e intersetorial desse segmento, que envolve principalmente a formação. Além da identificação de políticas públicas que já existem no município para incluí-los”, disse.

A diretora de Economia Popular Solidária da Secretaria de Trabalho e Renda, Mara de Castro, deu outros detalhes sobre o mapeamento, reforçando a proposta da atual gestão de trabalhar lado a lado com a população.

“O projeto de governo é de inclusão e de promover políticas de geração de renda para as pessoas que foram muito afetadas economicamente pela pandemia. Não é um governo de exclusão, que vai apenas fiscalizar, mas, sobretudo, dar suporte a esses profissionais. O mapeamento vai identificar as pessoas para ajudar a direcioná-las para as diferentes políticas públicas que oferecemos, como a Agricultura Familiar, os Centros de Referência de Assistência Social – Cras, a Economia Solidária, dentre outros, conforme as particularidades de cada um”, disse.

Mapeamento de ambulantes em Contagem

O mapeamento é realizado de forma direta nas ruas com preenchimento de formulário próprio contendo as perguntas necessárias para o cumprimento dos objetivos estabelecidos. Ou seja, não se trata de cadastro para fins de licenciamento de atividade econômica. Para tanto, no dia 16 de agosto foi realizado, no auditório da Prefeitura, um treinamento com a equipe mobilizada para o trabalho de campo conduzido pela Superintendência de Fiscalização da SMDUH e pela Diretoria de Economia Solidária da SETGER.

A sistematização dos dados ficará a cargo da Diretoria de Economia Solidária que também oferecerá cursos de qualificação profissional, empreendedorismo e manipulação de alimentos, além de orientação para a formalização, o ingresso no mercado formal de trabalho por meio do Sine ou para os pontos de comercialização da Economia Solidária, observados os critérios.

Guarda Civil de Contagem busca diálogos com jovens para quebrar estereótipos e qualificar a ação comunitária

Anúncios

A primeira impressão fica, mas pode ser transformada. Esse foi o objetivo do curso “Juventudes, Direito à Cidade e Segurança”, que faz parte da formação de agentes da guarda civil municipal de Contagem. O curso buscou ampliar as perspectivas e desconstruir estereótipos, a fim de qualificar ainda mais a atuação da Guarda Civil.

Foram abordados temas importantes para as juventudes urbanas, moradoras das periferias, o tipo de público com o qual os guardas trabalham no seu dia a dia. Segurança Pública; Estereótipos e violências;  Direito à Ocupação  dos Espaços Públicos; Diversidade; Políticas Públicas, Juventudes e Cultura Urbana; Grafite x Pichação, entre outros temas.  

Na visão do psicólogo e professor Alessandro Santos, responsável por ministrar o curso, segurança pública e juventude “devem e precisam ser trabalhados e contextualizados a partir de conceitos relacionados à cidadania, ao respeito à diversidade sociocultural, étnico-racial, etária e geracional, de gênero e orientação sexual. Além disso, o direito de ocupação dos espaços públicos deve ser garantido a todos e todas, sem qualquer distinção”.

Para o gerente do Segundo Comando, o Guarda Civil Daniel Pereira, o curso resgatou a lógica de atuação da Guarda, reafirmando a importância do seu papel comunitário. “Quando falta políticas públicas para direcionar essa ação comunitária, fatalmente a instituição tende a ir para o lado da repressão, tomado como exemplo outras polícias. Entretanto, o nosso papel mais importante é esse: o de estar presente nas praças, o de conversas com as famílias e com os jovens. A Guarda tem 15 anos e nós ainda estamos em tempo de construir essa imagem comunitária, parceira da sociedade”, afirmou.

A subsecretária municipal de prevenção, Daniela Tiffany, participou do curso e fez um pedido aos agentes participantes “tomem cuidado para nunca interromperem sonhos, potencialidades e trajetórias porque quando isso é feito, você se torna responsável pela violência que supostamente quer combater”, concluiu.

com informações PMC, Foto: PMC/EliasRamos